domingo, 24 de outubro de 2010

Google admite que seus carros coletaram e-mails e senhas

Carro do Street View coleta dados na marginal
Pinheiros em São Paulo em janeiro deste ano
Raphael Hakime/06.01.2010

Companhia informou que vai mudar suas práticas de privacidade

O Google admitiu, nesta sexta-feira (21), que uma frota de carros com equipamentos sem fio recolheu, sem querer, e-mails e senhas de usuários de computadores em vários países, e afirmou que vai mudar suas práticas de privacidade.

Os carros do Google Street View, que são conhecidos em todo o mundo por tirar fotos panorâmicas das ruas das cidades, coletam os dados. A companhia coloca essas imagens em seus mapas na internet.

O Google disse que quer apagar os dados assim que for possível. A companhia anunciou que a confusa coleta de dados aconteceu em maio, mas que as informações coletadas são tipicamente limitadas a "fragmentos" de dados, já que os carros estavam sempre em movimento.

De lá para cá, reguladores de vários dos mais de 30 países onde os carros operaram, inspecionaram os dados. Em um blog da companhia, o vice-presidente de Engenharia e Pesquisa do Google, Alan Eustace, disse que "ficou claro nas inspeções que, embora a maioria dos dados seja fragmentada, em alguns casos, e-mails e endereços de internet completos foram capturados, assim como senhas".

O Google informou também que indicou Alma Whitten como diretora de Privacidade para Engenharia e Gestão de Produtos, e que a companhia incluiu novos procedimentos internos que solicitam que seja mantido um documento de privacidade, que grava como os registros dos usuários são armazenados.

A empresa acrescentou que aumentou seus treinamentos de privacidade para engenheiros e outros grupos importantes de funcionários.

Copyright Thomson Reuters 2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião

FACEBOOK